Você está aqui
Início > Diversos > Ciência > Como se formam os Furacões?

Como se formam os Furacões?

Os furacões se formam somente em águas mornas do oceano de aproximadamente 26°C. É por isso que é mais comum de eles acontecerem nos trópicos onde as temperaturas são altas durante todo o ano. Os furacões também precisam da ação do vento para formar.

Como o Furação se forma?

O ar quente, junto com a umidade da evaporação da superfície do oceano sobe, criando a baixa pressão na superfície da água, que é substituída imediatamente por um ar mais fresco. Esse processo continua, e as nuvens carregadas de umidade resultantes começam a se expandir.

As tempestades com chuvas começam a se mover lentamente com ventos ocidentais suaves (ventos fortes dispersarão o acúmulo). Em um dia ou dois, as correntes verticais mais fortes se acumulam acima da superfície do oceano. Mais ar quente sobe e os ventos começam a se mover de forma circular, causada pela rotação da terra. O aumento do ar quente faz com que a pressão diminua em altitudes mais elevadas. Todo o sistema está agora em movimento circular em torno de um ponto central. Isso é chamado de depressão tropical e eles têm uma velocidade de vento de cerca de 60 quilômetros por hora.

Como se formam os Furacões?
Como se formam os Furacões?

Em alguns dias, à medida que o sistema se move por águas mais quentes, as nuvens se expandem ainda mais e os ventos começam a acelerar. Ventos fortes, trovoadas e chuvas intensas estão em plena força neste momento. Isso pode ser chamado de uma tempestade tropical, e eles têm velocidade de vento de até 120 km por hora.

Continuando seu movimento para o oeste, a tempestade tropical pode estar se movendo sobre águas ainda mais quentes. A energia do oceano quente, sob a forma de ar muito quente subindo e o esguichar de ar mais frio substituindo-o lança toda a tempestade em uma fúria espiral poderosa, enorme e monstruosa que pode ser visto a partir do espaço. A espiral tem um centro calmo chamado olho.

O olho, é cercado por um movimento vertical altaneiro e extremamente perigoso de trovoadas. Isso é chamado de parede do olho. Os ventos da parede do olho são tão poderosos que gira e transporta grandes quantidades de água do oceano enquanto se desloca para terra.

O furacão agora faz uma queda (atingiu a terra). Com ventos acima de 120 km/h a cerca de 260 km/h, a destruição maciça é normalmente inevitável. Como o sistema não está mais sobre a água, seu ‘combustível acabou e começa a aliviar. Os ventos vão diminuir e eventualmente acabar, mas as chuvas podem continuar.

Outras Curiosidades

O que você achou dessa curiosidade?

Top