Você está aqui
Início > Mundo Animal > Na luta contra o HIV, as vacas emergem como poderosa arma secreta

Na luta contra o HIV, as vacas emergem como poderosa arma secreta

Quem teria suspeitado de que as vacas que vemos comendo capim podem ser a chave para vencer o HIV?

Um novo estudo conclui que o gado pode produzir anticorpos que neutralizam o vírus, o que pode manter pistas para uma vacina para humanos.

Pesquisadores da International Incident Vaccine Initiative e do Scripps Research Institute injetaram quatro vacas com um tipo de proteína de HIV. Eles descobriram que as vacas começaram a produzir anticorpos contra o vírus em apenas algumas semanas, o que é incrivelmente rápido, dado que leva o humano médio de três a cinco anos a fazer o mesmo.

Dentro de 42 dias, as vacas foram capazes de neutralizar 20 por cento das cepas de HIV, informou o estudo. Em cerca de um ano, elas poderiam neutralizar 96 por cento das cepas de HIV.

Na luta contra o HIV, as vacas emergem como poderosa arma secreta

“A resposta soprou nossas mentes”, disse o Dr. Devin Sok, um dos pesquisadores, à BBC News. “Isso é realmente importante porque não conseguimos fazê-lo nesse período”.

Por que eles não conseguiram fazê-lo? Como o vírus muda o tempo todo, diferentes tensões existem em diferentes partes do mundo, e o vírus pode mutar uma vez dentro do corpo de uma pessoa, informa Science News.

“As potentes respostas neste estudo são notáveis. Ao contrário dos anticorpos humanos, os anticorpos do gado são mais propensos a ter características únicas e ganhar uma vantagem sobre o HIV”, disse o Dr. Dennis Burton, um colega pesquisador.

Como a BBC explica, a vaca possui um sistema digestivo “ruminante” que fermenta grama para digerir uma variedade de bactérias hostis. Como resultado, os animais desenvolveram os anticorpos necessários para atacá-los.

O estudo, publicado na revista Nature, pode ajudar cientistas trabalhando em uma vacina contra o HIV descobrindo como induzir esses anticorpos em seres humanos com mais rapidez.

Outras Curiosidades

O que você achou dessa curiosidade?

Top