Você está aqui
Início > Diversos > Ciência > Bloop: O maior mistério dos oceanos

Bloop: O maior mistério dos oceanos

Bloop é o nome de um som subaquático detectado pela National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA) em 1997 e foi ouvido, várias vezes durante aquele ano e em lugares diferentes e que nunca mais foi ouvido, que até hoje em dia segue sendo um dos grandes mistérios do nosso planeta no mundo moderno.

Hipóteses para o som Bloop

Um superanimal: Segundo alguns pesquisadores, o som poderia ser de um animal, porém o maior animal do mundo que é a baleia-azul e que pode chegar a 30 metros de comprimento e pesar mais de 180 toneladas, emite um som que pode ser ouvido há no máximo 800 km de distância, já o som que foi captado, se propagou por mais de 5 mil km, ou seja, fazendo uma conta simples o possível animal poderia ter quase 200 metros de cumprimento e pesar mais de 1.000 toneladas. Mas a maioria dos pesquisadores são céticos, afirmando que um animal desse tamanho já teria sido descoberto. Porém os oceanos da terra são gigantescos, sendo que apenas cerca de 10% das águas dos oceanos foram estudadas, pois a partes do oceano que é impossível atualmente chegar devido a pressão (onde os submarinos que tentassem chegar lá seriam esmagados) e a falta de luz, onde esse animal poderia estar. Por causa dessa falta de conhecimento dos oceanos ainda nos tempos atuais é possível encontrar animais que até então achávamos que estavam extintos, como é o caso do celacanto, ele é um peixe que até 1938 achava-se que estava extinto há mais de 70 milhões de anos, porém hoje em dia os pesquisadores estimam que existam cerca de 309 indivíduos no mundo todo.

Comparação do Bloop com a baleia-azul.
Comparação do Bloop com a baleia-azul.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Quebra de uma geleira: No entanto, para o NOAA é quase certo de que não era um animal, mas o som de um evento relativamente comum – a quebra de uma plataforma de gelo, uma vez que se rompe da Antártida. Algo que a maioria dos cientistas afirmam ser a resposta para o acontecido, já que estavam em uma região próxima da Antártida, durante alguns anos forma analisados as quebras de geleira e o som emitido é parecido.

Porém imaginar que um animal deste tamanho exista atualmente, seria algo incrível e ao mesmo tempo assustador, eu, pelo menos, não andaria de barco nunca mais na minha vida.

O que você acha que é. Deixe nos comentários e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.

RelatedPost

Deixe uma resposta

Top