Você está aqui
Início > Diversos > Cristo Redentor quase foi construído para honrar a Princesa Isabel

Cristo Redentor quase foi construído para honrar a Princesa Isabel

Com os braços levantados e lançando um olhar atento sobre o Rio de Janeiro, o Cristo Redentor é um dos monumentos mais emblemáticos no Brasil. Foi coroada como uma das 7 maravilhas do mundo e é a 4ª maior estátua de Jesus no mundo.

Foi coroada como uma das 7 maravilhas do mundo e é a 4ª maior estátua de Jesus no mundo
Foi coroada como uma das 7 maravilhas do mundo e é a 4ª maior estátua de Jesus no mundo

Cristo Redentor foi projetado pelo escultor polonês-francês Paul Landowski, antes de ser construída pelo engenheiro brasileiro Heitor da Silva Costa, em colaboração com o engenheiro francês Albert Caquot. O rosto era o trabalho do artista romeno Gheorghe Leonida.

A ideia de construir uma estátua de Cristo foi sugerida pela primeira vez em meados da década de 1850 para honrar a Princesa Isabel, princesa do Brasil, mas a ideia foi descartada. Foi em 1920 que a ideia surgiu novamente a partir da comunidade católica e, finalmente, foi aceita e posta em prática.

A estátua está há 30 metros de altura no topo de uma base de pedestal de oito metros. Ela tem uma envergadura de 28 metros e pesa 635 toneladas. Isso se torna ainda mais impressionante pelo fato de que ela foi construída em partes antes de ser levado até o Corcovado. O desenho da estátua foi escolhido como um símbolo de paz entre uma seleção de possibilidades.

A construção começou em 1922 e levou nove anos para ser concluído. Custou U$ 250.000 para construir e foi financiado pela comunidade católica no Brasil. Desde então, ela precisou de várias reformas devido ao tempo de exposição, visivelmente, em fevereiro de 2008 e janeiro 2014, quando relâmpagos destruíram partes da estátua.

Cristo Redentor atrai 1,8 milhões de pessoas por ano
Cristo Redentor atrai 1,8 milhões de turistas por ano

Um atualização recente para a estátua do Cristo Redentor foi em seu 75º aniversário em outubro de 2006. Uma capela debaixo do Cristo foi consagrada pelo arcebispo do Rio, o Cardeal Eusébio Oscar Scheid, permitindo batismos e casamentos. É também uma importante atração turística no Rio de Janeiro, atraindo aproximadamente 1,8 milhões de pessoas por ano. O número recorde de turistas em um único dia lá foi na Páscoa de 2011, quando 14.000 pessoas foram ver a estátua.

Outras Curiosidades

Deixe uma resposta

Top