Você está aqui
Início > Diversos > História do símbolo americano Tio Sam

História do símbolo americano Tio Sam

Algumas pessoas não sabem o que significa o símbolo do Tio Sam, porém nos Estados Unidos esse é um símbolo muito importante de poder e onipresença.

Existem várias versões da história do Tio Sam. A versão oficial, confirmada pelo Congresso americano em 1961, diz que o tio Sam voltou à Guerra em 1812. Samuel Wilson dirigia um negócio de distribuição de carne e era conhecido localmente em sua cidade de Massachusetts como “Tio Sam”. Durante a Guerra de 1812, ele forneceu carne para o Exército dos EUA. As caixas foram estampadas com a sigla “U.S.” de Estados Unidos, que os soldados brincavam que significava “Tio Sam” em inglês “Tio Sam” é “Uncle Sam”. Tio Sam tornou-se um símbolo de como um patriota solitário poderia ajudar seu país em um momento de crise.

Samuel Wilson, homem que inspirou a criação do símbolo americano "Tio Sam".
Samuel Wilson, homem que inspirou a criação do símbolo americano “Tio Sam”.

Com o passar dos anos e a lenda crescendo, o símbolo do Tio Sam se desenvolveu para refletir os tempos. Samuel Wilson era de meia-idade; Entretanto, a imagem do tio Sam de algumas décadas mais tarde teve pouca semelhança com a pessoa real em que se baseava. O tio Sam envelheceu e adquiriu o traje patriótico. Quando Abraham Lincoln se tornou presidente, Tio Sam e seu “sobrinho” Yankee Doodle, um símbolo da Guerra Revolucionária, assumiu um novo significado como símbolos patrióticos do Norte. Tio Sam também ficou mais parecido com Lincoln do que com Samuel Wilson, tendo ganhado barba como a de Lincoln e um rosto mais parecida com a do então presidente. Também durante a guerra civil, o desenhista americano de desenhos animados Thomas Nast foi o primeiro a descrever o tio Sam em cartoons políticos. Assim como o tio Sam, Nast colocou os símbolos do burro Democrático, o elefante republicano e Papai Noel firmemente na mente da cultura americana.

 

“Eu quero VOCÊ!” O cartaz foi criado por James Montgomery Flagg como uma ferramenta de recrutamento para a segunda guerra mundial.
“Eu quero VOCÊ!” O cartaz foi criado por James Montgomery Flagg como uma ferramenta de recrutamento para a segunda guerra mundial.

 

Foto de Abraham Lincoln. Simbolo "Tio Sam" ganhou algumas alterações que o deixaram parecidos com o então presidente americano.
Foto de Abraham Lincoln. Simbolo “Tio Sam” ganhou algumas alterações que o deixaram parecidos com o então presidente americano.

Tio Sam remonta à Guerra de 1812, mas o icônico “Eu quero VOCÊ!” O cartaz foi criado por James Montgomery Flagg como uma ferramenta de recrutamento para a segunda guerra mundial. Um homem velho no chapéu patriótico, vermelho, branco e azul e terno apontando diretamente na cara, com seu brilho e dedo apontando quase acusando. – Como você não pode lutar pelo seu país? Parecendo exigir que os homens se alistassem. Esse foi um dos principais símbolos americanos durante a segunda guerra mundial.

Outras Curiosidades

Deixe uma resposta

Top