Você está aqui
Início > Diversos > Tecnologia > Como surgiu o elevador

Como surgiu o elevador

A invenção do elevador aconteceu em 1853, quando o empresário norte-americano, Elis Graves Otis, oficializou o primeiro elevador de passageiros. No entanto, estruturas semelhantes ao nosso conhecido elevador já eram utilizadas em tempos remotos.

Um exemplo disso é que por volta do ano 1500 a.C, os egípcios já utilizavam elevadores rudimentares para elevar as águas do rio Nilo – a operação se dava por tração animal e humana.

Como surgiu os elevadores
Como surgiu o elevador

Com a Revolução Industrial, os elevadores passaram a funcionar pela energia do vapor. Os primeiros elevadores utilizados pelo homem para o transporte de passageiros alcançavam a altura de até oito andares e levavam cerca de dois minutos no percurso.

O americano, Elis Graves Otis, também inventou o primeiro sistema de segurança para elevadores e criou um trilho para a passagem dos cabos, o que evitava a oscilação do elevador. Em 1857, Elis Otis foi convidado para inaugurar o primeiro elevador de passageiros num edifício comercial que contava com cinco andares.

Os primeiros elevadores brasileiros só começaram a ser fabricados em 1918. Não eram movidos nem a vapor, nem a eletricidade. Era o cabineiro, girando uma manivela, que fazia com que o elevador subisse ou descesse. As portas, pantográficas, eram também abertas e fechadas manualmente.

Com a explosão demográfica e a construção de edifícios mais altos, o sobe e desce movido à manivela foi substituído por sistemas elétricos mais complexos que dispensavam o serviço dos cabineiros. Não mais era preciso gritar ou gesticular para o cabineiro. Para chamar o elevador, bastava apenas apertar um botão.

Atender às chamadas com o apertar de um botão foi apenas o começo. Para otimizar a eficiência do elevador, relés e circuitos elétricos foram desenvolvidos. O Comando Automático Seletivo foi o próximo passo, permitindo que elevadores trabalhassem isoladamente, o que melhorou significativamente o tráfego nos edifícios.

Outras Curiosidades

Deixe uma resposta

Top