Você está aqui
Início > Universo > Astrônomos da USP descobriram dois planetas novos

Astrônomos da USP descobriram dois planetas novos

Uma equipe de astrônomos da USP descobriram dois novos planetas em torno de uma estrela semelhante ao sol conhecido como HIP 68468. Os dois novos planetas, apelidados de “Super Netuno” e “Super Terra”, são os primeiros a ser descobertos por astrônomos brasileiros desde a descoberta em 2015 de um planeta semelhante ao de Júpiter, de acordo com o site de notícias G1.

O astrônomo Jorge Melendez, professor do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo, e pesquisador-chefe, disse que um dos objetivos da equipe era comparar o sistema solar com outros sistemas planetários, informou a agência de notícias Xinhua. O ambiente planetário em torno do HIP 68468 é bastante diferente do sistema que inclui a Terra, disse ele.

Astrônomos da USP descobrem dois planetas novos
Astrônomos da USP descobriram dois planetas novos

Enquanto a massa dos planetas recém-descobertos era semelhante à da Terra e Netuno, os planetas giram muito perto de sua estrela, o que sugere que eles podem ter migrado de uma região mais exterior para uma região mais interior do seu sistema planetário.

Super Netuno, chamado HIP 68468c, tem uma massa que é 50% maior do que o planeta Netuno. Mas enquanto nosso Netuno está longe do sol (30 vezes a distância entre a Terra e o Sol), a órbita do novo planeta é apenas 70% da distância da Terra e o Sol.

Super Terra, ou HIP 68468b, tem uma massa que é três vezes maior do que a da Terra, e sua órbita é de apenas 3% da distância da Terra ao Sol. Isso significa que ele está “praticamente preso à sua estrela”, HIP 68468, que tem 6 bilhões de anos e cerca de 300 anos-luz da Terra.

De acordo com Melendez, a pesquisa indica que a estrela HIP 68468 “engoliu” um planeta, devido à presença de altos níveis de lítio – um elemento que é geralmente abundante em planetas, não estrelas. A descoberta foi feita no Observatório Europeu do Sul, no deserto do Atacama, no norte do Chile.

Outras Curiosidades
Top